Sentimentos diferentes

ajuda

Adaptado de mensagem de Simão Santos à Igreja em Fontaínhas – São João da Madeira. 11/10/2020

 

1 Tessalonicenses 1: 1-10

 

A chegada de Paulo a Tessalónica não foi pacífica, ele encontrou muita resistência à mensagem que anunciava. No entanto, deu frutos muito bons e é notório que aqueles que se converteram mudaram as suas vidas completamente. E todos os sentimentos que Paulo transmite em relação a estes irmãos são muito positivos: ele fala das saudades que tinha deles, da alegria, do valor do seu trabalho, da sua fé,… E que sentia, levava Paulo a revelar atenção, cuidado, dedicação e empenho relativamente a estes cristãos em Tessalónica. Mas na realidade, as atitudes que Paulo tinha eram exatamente iguais para com todos, mesmo para os crentes que não o tratavam bem e desrespeitavam o que ele dizia, tais como os cristãos da Igreja de Corinto (2 Coríntios 12:15).

Apesar de ter posturas diferentes por parte de cada um dos grupos de crentes, as atitudes de Paulo e o seu interesse eram rigorosamente iguais por ambos. Cristãos que entregam verdadeiramente a sua vida a Deus, são assim como Paulo, é assim que agem. Não são as atitudes do outro que condicionam o cuidado, este deve ser sempre igual independentemente do que os outros fazem.

 

A Igreja em Tessalónica não gerou o mesmo sentimento em todos … Actos 17:1-6. Havia também inveja, perseguições e perversidade. As mesmas pessoas levaram a 2 tipos de sentimentos diferentes por parte de diferentes pessoas.

Podemos correr o risco de termos estes maus sentimentos. Por exemplo, quando ouvimos o governo anunciar medidas de contenção económica, podemos sentir-nos revoltados, ameaçados, irritados… O pensamento atual, tende a validar estes maus sentimentos. Muitas vezes, as pessoas justificam os seus maus sentimentos com base nos maus acontecimentos pelos quais estão a passar. Mas não é o que esta lá fora, que deve definir o que existe dentro.

 

Paulo tratava os tessalonicenses, conforme Deus os tratava. O evangelho muda e transforma (Gálatas 5:22). A ação de Deus dentro de nós, produz tudo o que é bom. Quanto manifestamos maus sentimentos, estamos a escancarar o nosso coração doente. Mas temos um Deus que pode restaurar e tornar em bom, tudo o que temos dentro. Existem produtos que corroem os recipientes em que os colocamos. Assim, pode acontecer com o nosso coração. Quando temos orgulho, inveja,… estamos a corroer a nossa alma!… O que queremos ter dentro da nossa alma e coração?

 

“Regozijai-vos, sempre, no Senhor; outra vez digo: regozijai-vos. Seja a vossa equidade notória a todos os homens. Perto está o Senhor. Não estejais inquietos por coisa alguma; antes, as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus, pela oração e súplicas, com ação de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus.

Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.”       Filipenses 4:5-8

Partilha este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email