A fé do centurião romano

gladiator-1931077_1920

Adaptado de mensagem de José Teles à Igreja em Fontaínhas – São João da Madeira. 24/01/2021

Mateus 8: 5- 13

Este é um texto simples, mas impressionante!

  • O Senhor Jesus ficou impressionado com as palavras de fé do centurião romano. Ele não contava com tamanha manifestação de fé.

Mas porque é que Jesus se admirou?..

Jesus, como Deus, conhece todas as coisas e poderia assim saber da fé daquele homem. Mas Jesus veio como homem e não como Deus. As coisas que Ele sabia eram decorrentes da sua vivência e do que Deus Lhe contava. Por isso, Ele ficou admirado!…

Jesus veio como homem, viveu como homem e morreu como homem para nossa salvação!

Se Jesus tivesse vindo como Deus, nunca poderia ter efetuado a nossa redenção.

 

  • Este centurião, um oficial da guarda romana, tinha características muito especiais: uma empatia imensa pelo seu criado, e uma fé imensa em Jesus, acreditando que Este, se quisesse, podia curar mesmo à distância. Ele tinha uma firme convicção na autoridade de Jesus. Este homem, revelou uma fé, superior à de qualquer judeu. Esta é a fé que distingue os crentes desta dispensação, dos da dispensação passada – uma fé que não precisa ver para crer. Até os discípulos precisaram de provas!…

II Tessalonicenses 3:2 – A fé não é de todos, mas é daqueles que a querem ter!… Se queres saber se estás predestinado para a salvação, tão somente crê na morte do Senhor Jesus, e saberás que estás predestinado!…

 

  • O centurião não tinha uma religião que o apontasse para Cristo, aliás os romanos por tradição adoravam muitos deuses.

João 12:37; Mateus 16:8 – Ao contrário do que às vezes pensamos, a fé dos discípulos era muito pequena.

II Tessalonicenses 1:3 – A fé vem do ler e crer na palavra de Deus.

 

  • O centurião não temeu o escárnio dos colegas, mas pediu ajuda a um judeu!… e a favor de um escravo!… Ele foi também um exemplo de humildade e misericórdia.

 

  • Grande era a fé do centurião, ele precisava apenas que Jesus dissesse uma palavra. E Jesus deu-lha e ele confiou, sem ver o resultado. O centurião sem ver o efeito do seu pedido, foi-se embora com a certeza que o seu criado estava curado e que o seu pedido tinha sido atendido.

 

Que tipo de fé tenho eu? Cheia de dúvidas? Ou como a do centurião – sem ver, bastando uma palavra?…

Podemos ser como os discípulos – ter uma fé pequena – ou como o centurião – um fé grande -. Seja como for, se a colocarmos em Cristo, Ele fará muito mais do que podemos imaginar!…

 

“Ora, àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera…” Efésios 3:20

Mas, na verdade, devemos ter cuidado com o que pedimos!… As nossas petições podem limitar o poder de Deus!… Se o pai do filho pródigo tivesse acedido ao seu pedido, ele teria passado o resto da sua vida como escravo!…

Partilha este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email